5 de fevereiro de 2009

'o curioso caso de benjamin button'

fazia tempo que eu não assistia a alguma coisa tão bonita quanto este filme. sabe quando o cinema deixa de ser cinema, a atmosfera se desfaz e você descaradamente vive a vida alheia, compartilha os medos, rouba as vitórias, torce, pragueja, recua e chora esquecendo de qualquer coisa que não diga respeito ao filme? é uma existência resumida em quase três horas, três horas que passam como oitenta anos mas dos quais o sentimento físico se lembra de alguns minutos. nunca eu fiquei sentado tanto tempo sem reparar se mudava ou não de posição, sentindo apenas o peso de uma cabecinha que se me apoiava no ombro de tempo em tempo, e de duas mãozinhas que procuravam as minhas na mesma agonia. nunca mais eu quero assistir este filme de novo, pode estragar esta lembrança tão gostosa que ele mesmo criou. 'o curioso caso de benjamin button'.

Um comentário:

maíra disse...

essa coisa do cinema deixa de ser cinema é pura verdade. teve uma hora do filme que, de repente, eu percebi que eu estava no cinema, cheio de gente, e não na minha casa, na sala. só filmes muito bons fazem isso.
e este filme é um deles, lindo demais.