29 de maio de 2009

deserto do atacama







algumas das fotos que tirei no deserto do atacama, em julho de 2008 com a mairinha, usando a leica de 1950 que meu avô me deu há alguns anos e que dei um trato para poder usar na viagem. as fotos foram tiradas na cara e na coragem, sem fotômetro, referência, apoio ou tratamento de photoshop; puro coração. a lente está muito suja, naturalmente, e vou levar a máquina para o conserto semana que vem. este resultado me deixou animadíssimo, fiquei realmente feliz de ver a qualidade que uma máquina destas tem. tenho que enquadrar uma destas fotos e dar para o meu avô, como prometido.
as fotos foram tiradas com ESTA máquina ai em cima.

3 comentários:

Yuri Machado disse...

cara, sério mesmo que isso é lindo DEMAIS.

tira um pouco o fôlego até.

daniloz disse...

porra,
eu mesmo não paro de entrar aqui para olhar estas fotos de novo porque fiquei completamente impressionado.
a qualidade da foto de filme, apesar das várias cagadinhas que ainda precisam ser consertadas, dá um pau fodido na máquina digital.
são poucas as fotos digitais que tiramos que se comparam a estas.

Bruno K disse...

realmente boas. incrível dizer isso de fotos de uma camera que dizem ser menos que as mais recentes.